SBPPC

 
Verily, da Alphabet, lança estudo com objetivo de prevenir doenças
20/04/2017 A Verily, empresa da Alphabet especializada em ciências da vida, disse que vai iniciar um estudo com cerca de 10 mil participantes para entender como pessoas saudáveis ficam doentes e identificar fatores de risco adicionais de doenças. Em parceria com os cursos de medicina das universidades Duke e Stanford, nos Estados Unidos, a Verily vai selecionar nos próximos meses participantes com históricos variados e que vivem na Califórnia e Carolina do Norte. O estudo é uma iniciativa da Project Baseline e vai coletar dados e amostras biológicas como sangue e saliva. As localidades coletarão dados dos participantes através de repetidas visitas médicas, de um relógio de pulso que monitora os batimentos cardíacos e sinais vitais, além das participações em pesquisas. "O estudo da Project Baseline tem a chance de influenciar significativamente conhecimentos que temos sobre o nosso corpo e entender melhor os indicadores de bem-estar", disse a diretora executiva da Associação Americana do Coração, Nancy Brown. Após esse estudo inicial, o projeto também pode desenvolver novas ferramentas e tecnologias para acessar e organizar as informações sobre saúde. Segundo Nancy, "os resultados desse estudo podem inspirar uma nova geração de ferramentas para a prevenção de doenças em vez de apenas diagnosticar e tratá-las". Em setembro, a farmacêutica Sanofi e a Verily revelaram um investimento de 500 milhões de dólares numa joint venture que combina dispositivos e serviços para aperfeiçoar cuidados com diabetes, um exemplo do crescimento entre os setores farmacêutico e de tecnologia. A Verily também está trabalhando em outros projetos, como o desenvolvimento de lentes de contato inteligentes em parceria com a farmacêutica suíça Novartis, que patenteou um sensor de glicose para ajudar a monitorar o diabetes. Por Anya George Tharankan Reuters
 

Fique por Dentro

Governo vê uso de brasileiro como cobaia por laboratório estrangeiro
19/08/2017 Obrigado a fornecer um medicamento de alto custo sem registro no país, o governo federal afirma ver indícios de que um laboratório estrangeiro esteja usando brasileiros como cobaias para estudos científicos. Os pacientes, por sua vez, dizem que o tratamento salva vidas.
Ler mais...
 
Fome é o fator que leva a célula tumoral a migrar pelo corpo, diz pesquisador
18/08/2017 O pesquisador britânico Colin Goding está convencido de que o mesmo fator que motivou o primeiro ser vivo unicelular a se movimentar pela Terra – há mais de 3 bilhões de anos – também é a razão pela qual algumas células tumorais se separam do tumor primário para colonizar outras partes do corpo: a busca por comida.
Ler mais...
 
Exame de sangue acusa o início do câncer, diz revista
17/08/2017 m dos maiores complicadores do câncer é o diagnóstico tardio, que pode reduzir consideravelmente as chances de cura de um paciente. Pesquisadores apostam em uma tecnologia computadorizada de mapeamento genético para sanar o problema.
Ler mais...
 
Mulheres com hepatite C: atenção aos anticoncepcionais
17/08/2017 Mulheres portadoras do vírus da hepatite C que utilizam o medicamento Viekira Pak (ritonavir/ombitasvir/veruprevir+dasabuvir) não devem usar anticoncepcionais orais contendo etinilestradiol. A Anvisa publicou um Alerta Sanitário para advertir os profissionais de saúde e as pacientes sobre os riscos de reações adversas graves decorrentes da interação entre os dois medicamentos. Essas orientações, inclusive, já constam na bula do Viekira Pak.
Ler mais...
 
Pesquisadores descobrem substância capaz de impedir reprodução do vírus da zika
15/08/2017 Através de testes em laboratório, pesquisadores da Fiocruz Pernambuco descobriram uma substância capaz de bloquear a reprodução do vírus da zika. Divulgada nesta terça-feira (15) pela entidade, a descoberta foi publicada na revista científica International Journal of Antimicrobial Agents na sexta-feira (11).
Ler mais...
 
©SBPPC - Sociedade Brasileira de Profissionais em Pesquisa Clínica - Denvolvido por:Boschi Design